As causas mais comuns de potência reduzida

By | 20/02/2019

A excitação sexual é o resultado não apenas do toque e das carícias. Uma imagem visual, uma voz ouvida ou apenas um pensamento faz com que um pulso apareça no cérebro. Este sinal de excitação é então transmitido para a medula espinhal e depois para os nervos do pênis. Gordinho – uma conseqüência do cérebro e de muitas maneiras a psique.

Por que a ereção e a libido pioram

Traços de personalidade psicológica – baixa autoestima, fantasias sexuais incomuns, traumas psicossexuais desde a infância, medo de rejeição – muitas vezes interferem na vida sexual. O efeito de experiências negativas sobre a qualidade do sexo também tem efeito retroativo: problemas com a potência provocam depressão e culpa, o que agrava a situação.

As raízes psicossociais do problema são mais freqüentes na educação. Em uma família, um jovem, durante a puberdade, poderia explícita ou implicitamente inspirar a idéia da vergonha do sexo ou de suas más conseqüências, e isso se reflete nas relações com as mulheres.

O psico-trauma que afetou a sexualidade também inclui violência experimentada, educação muito rígida de pais supressivos, amor infeliz, primeiros relacionamentos malsucedidos, negação de sua orientação homossexual. Este último, em combinação com o estilo autoritário de educação na família, pode originar disfunção erétil psicogênica e depressão, misturada com o sentimento de culpa.

As fontes neuropsiquiátricas de problemas de potência incluem mudanças relacionadas à idade, estresse severo e, muitas vezes, aguardam ansiosamente a síndrome do fracasso. O ato “fracassado” de amor, possivelmente repetido mais de uma vez, faz um homem se preocupar com a intimidade. A tensão nervosa é incompatível com a realização do amor, a fisiologia dos homens é organizada desta maneira: sob estresse severo, uma ereção não aparecerá.

As dificuldades interpessoais são outro obstáculo ao sexo saudável. Incompreensão, falta de intimidade e confiança entre cônjuges ou amantes destroem as relações tanto com o lado espiritual quanto com o físico. Brigas, hostilidade, a luta pela supremacia no casal – tudo isso destrói o relacionamento, não deixando espaço para experiências eróticas. A baixa atividade sexual do parceiro faz com que o representante do sexo mais forte duvide de sua viabilidade masculina. É importante que um homem saiba: o sexo em um casal é necessário não apenas por ele. Caso contrário, sua libido desaparecerá.